Procissão do Fogaréu

O Fogaréu é uma procissão religiosa de suposta origem ibérica, realizada na Cidade de Goiás na madrugada da Quarta-feira de Trevas para a Quinta-feira Santa. Reúne todo ano milhares de pessoas, devotos, moradores e turistas de todo Brasil interessados em conhecer a procissão. Trata-se de uma encenação da perseguição e captura de Cristo: os Farricocos, encapuzados e munidos de tochas, saem à procura de Cristo partindo da Igreja da Boa Morte em direção ao Santuário de Nossa Senhora do Rosário. Neste momento as escadarias do Rosário representam o local da Santa Ceia. De lá seguem para a Igreja de São Francisco de Paula que representa o Jardim das Oliveiras, onde o Cristo é então capturado pelos seus carrascos, os Farricocos, representação dos soldados romanos. Ali a captura de Cristo é anunciada com o toque do clarim e um estandarte com a bandeira da imagem de Cristo passa a ser carregado como representação de seu aprisionamento. Toda a perseguição é acompanhada por um grupo de percussionistas, uma fanfarra que toca marchas em instrumentos marciais – surdos, caixa e tarol. São três toques que ditam o ritmo da procissão, lento, andante e rápido.

Durante a procissão, depois da prisão de Cristo, é entoado o Moteto dos Passos, de autoria do compositor Vilaboense do séc. XIX, Basílio Martins Braga Serradourada. O moteto foi supostamente escrito por ele em 1855. As atuais vestes dos Farricocos foram idealizadas e desenhadas pela artista plástica e integrante da OVAT (Organização Vilaboense de Artes e Tradições), Goiandira do Couto, na década de 1960. A procissão do fogaréu é para-litúrgica, uma expressão do catolicismo popular, misto de dramatização com cortejo religioso e ocorre todos os anos na Cidade de Goiás. Foi supostamente introduzido pelo Padre espanhol João Perestelo de Vasconcellos Espíndola no séc. XVIII, e hoje em dia é mantida pelos moradores com grande apoio dos membros da OVAT e da Irmandade dos Passos.

1. Saída da Procissão (Museu da Boa Morte, Cidade de Goiás, 28.03.2018)
2. Chegada no Rosário (Santuário do Rosário, Cidade de Goiás, 28.03.2018)
3. Moteto dos Passos (Igreja São Francisco de Paula, Cidade de Goiás, 28.03.2018)
4. Toque do Clarim (Igreja São Francisco de Paula, Cidade de Goiás, 28.03.2018)
Compartilhe nas suas redes sociais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *